Related Posts with Thumbnails
Related Posts with Thumbnails

Bruins Joga Bem mas Perde para o Pittsburgh Em uma Grande Atuação de Fleury

Boston Bruins 2 x 3 Pittsburgh Penguins
Uma partida que vale muito mais do que dois pontos. É assim como eu descrevo os jogos contra o time de Matt Cooke, ou melhor dizendo, o Pittsburgh Penguins.[...]





Começaríamos a partida com um belo hit de Marchand desferido pra cima de Evgeni Malkin. Esse hit acabaria gerando o primeiro powerplay do time de Boston, pois após o lance Dupuis partiria pra cima de Brad Marchand e faria um slashing. Mas as linhas de PP do Bruins nada produziriam e o empate persistiria. Logo depois ainda teriámos nossa segunda chance no powerplay,após uma interferência realizada por Matt Cooke em Adam Mcquaid, mas novamente não sairiamos do zero.

Após o Bruins sofrer novamente com a improdutividade das linhas especiais em seu 2º powerplay , Cooke ao sair do penalty box lideraria um contra-ataque fatal que resultaria no gol de Kunitz. Destaque para as incríveis assistências de Cooke e Staal que orquestrariam toda essa jogada.(1-0 Penguins)

No 2º período, com apenas 40 segundos de jogo, Dupuis marcaria o 2º gol do penguins em um vacilo de Rask. O disparo de Michalek produziria um rebote nas boards, que passaria por trás da rede do Bruins e voltaria no stick de Dupuis que não desperdiçaria o presente. Rask não conseguiria voltar para o gol e proteger seu lado direito, permitindo assim que Dupuis encontrasse um gol praticamente aberto para marcar.(2-0 Penguins)

A partir dali o Bruins começaria a estabelecer um certo domínio na partida, passando a jogar com grande intensidade. O forecheck passaria a ser mais agressivo deixando o time de Pittsburgh acoado. Aos 8:32min, Dennis Seidenberg mandaria uma verdadeira bomba da blue line e finalmente faria o 1º gol do Bruins na partida.(2-1 Penguins)

Com aproximadamente 30 segundos depois imagina o que aconteceria? Isso mesmo!! O Bruins marcaria o seu 2º gol, empatando a partida em 2 a 2. Michael Ryder acertaria um disparo incrível no ângulo direito de Fleury.(2-2)

É importante destacar que nesse período Steve Kampfer sairia lesionado e não voltaria mais para a partida. No lance que gerou a lesão, o stick de Chara acabaria enroscado em Dupuis e acidentalmente acertaria a face de Kampfer. O curioso do lance é que a arbitragem penalizaria Dupuis no lance e como a face de Kampfer sangrava, receberíamos uma oportunidade de 4 minutos no powerplay. Mas para inovar um pouco o Bruins não conseguiria produzir nenhuma chance real de gol e o nosso powerplay permaneceria improdutivo na partida.

No 3º período, aos 16:32min, o Penguins conseguiria desempatar a partida com Staal, após um importante ganho de face-off na zona ofensiva.(3-2 Penguins)

Bruins dominaria o restante do período mas duas coisas nós passaríamos a ver com frequência: ou Fleury salvando a pele de Pittsburgh ou a trave os ajudando. O placar não mudaria até o fim e o Bruins amargaria essa desapontante derrota para o Penguins.

Rask teria uma sólida partida no gol de Boston, tendo terminado o jogo com um total de 33 defesas em 36 disparos. É certo que ele seria o culpado no gol de Dupuis, mas devemos ressaltar que sem as intervenções de Rask em alguns momentos da partida, o time de Boston não teria mantido um placar tão próximo. Mas quando falamos de goleiro o destaque maior vai para Fleury que teve uma estupenda partida defendendo um total de 44 disparos em 46 tentativas. Fleury foi a principal razão de Penguins ter conquistado essa vitória sem sombra de dúvidas.

Destaque: Gostei muito das atuações de Horton, Ryder, Rask e Marchand. Nossa 4ª linha também foi muito ativa conseguindo produzir boas chances e conseguindo manter o alto nível de intensidade do Bruins.

Escalação do Bruins(Line-up)


Ryder-Savard-Horton
Marchand-Bergeron-Recchi
Wheeler-Krejci-Seguin
Paille-Campbell-Thornton
Chara-Kampfer
Seidenberg-Boychuk
Bartkowski-McQuaid
Rask
Thomas



http://img42.imageshack.us/img42/1869/transparentad.png