Related Posts with Thumbnails
Related Posts with Thumbnails

NHL Não Suspenderá Cooke Por Golpe Desleal Em Savard

O Pittsburgh Penguins foi informado ontem que seu forward, Matt Cooke, não será suspenso pelo hit que realizou em Marc Savard no último Domingo, na vitória de 2 a 1 do Penguins sobre o Bruins.[...]
Savard foi vítima de um golpe covarde, no momento em que ele encontrava-se em posição vulnerável no gelo, tendo sido atingido de surpresa diretamente na cabeça, pelo hit de Matt Cooke. E essa não foi a primeira vez que Cooke lesiona um adversário na cabeça. O jogador já foi suspenso 2 vezes por hits na cabeça em sua carreira.

Na primeira suspensão, ocorrida em janeiro de 2009, em um hit desferido na região da cabeça, do até então forward do Carolina Hurricanes, Scott Walker, o jogador pegaria 2 jogos. A segunda Suspensão, ocorrida em Novembro de 2009 , aconteceu pelo "Check" desferido no Center do NY Rangers, Artem Anisimov (Veja o Lance).

Busca De Uma Nova Regra
Ontem, os GMs dos times recomendaram a liga o estabelecimento de uma nova forma de penalidade em que abrangeria esse tipo de golpe, no qual o oponente não tem como se defender e que o foco do Hit seria a cabeça. Porém se a regra realmente for aprovada ela valerá apenas para a próxima temporada.

A Consistência Inconsistente de Campbell
Segundo Colin Campbell, a sua decisão se baseia na dita "consistência" de suas decisões a respeito de lances similares em que os agressores também não foram punidos pela liga. Caso similar a esse foi o lance que ocorreu envolvendo Mike Richards e David Booth. Richards também não foi punido pelo golpe que desferiu em Booth (Veja o Lance).

A dita consistência de Campbell torna-se inconsistente ao ser analisado os julgamentos do referido vice-presidente da liga. É notório que ele não tem realizado boas análises em situações que envolvem o Boston Bruins. Para refrescar a memória de todos cito o lance do "Sucker Punch" desferido por Scott Walker em Aaron Ward nos playoffs do ano passado (Veja o Lance). Mais uma vez o agressor sairia impune de um golpe traiçoeiro.

Além de errar como profissional, Campbell, não teve moral e caráter de esboçar nenhuma reação contra o jogador do "Todo Poderoso" e Protegido time da liga, Pittsburgh Penguins. Uma decisão estúpida como essa de Campbell abrirá vazão para uma provável retaliação ao fato, na partida de volta que ocorrerá 18 de março, em Boston. O time do Bruins deverá impor seu jogo físico e jogar suas luvas no gelo para que finalmente Cooke tenha o que merece. Apesar das vias administrativas não terem saido como se esperava, esperamos que o time reaja no gelo com toda força necessária e proporcional, para que finalmente seja feita justiça ao incidente.

Termino esse pequeno desabafo lamentando imensamente a decisão da liga acerca do fato. Acredito que na omissão da punição se encontra o consentimento. A liga não punindo um fato como esse, favorece cada vez mais a ocorrência de lances que podem acabar com a carreira de um jogador ou levá-lo tragicamente a morte.

http://img42.imageshack.us/img42/1869/transparentad.png